Coreia do Sul: um país surpreendente que você precisa conhecer

Descubra oito destinos incríveis que vão te encantar com sua beleza, cultura e história.

Anúncios

Você já pensou em viajar para a Coreia do Sul? Se a resposta for não, talvez seja hora de reconsiderar.

A Coreia do Sul é um país fascinante, que tem muito a oferecer aos seus visitantes.

Desde paisagens espetaculares, com montanhas, praias e ilhas, até cidades modernas e vibrantes, com arranha-céus, museus e parques temáticos.

Sem falar na rica cultura e história do país, que se manifesta em seus palácios, festivais e gastronomia.



A Coreia do Sul é um destino que agrada a todos os gostos e bolsos. Você pode explorar a capital Seul, que é uma metrópole cosmopolita e cheia de vida.

Pode relaxar nas belas praias de Busan, que é a segunda maior cidade do país e um importante centro cultural. E isso é só o começo!

Neste artigo, vamos apresentar oito destinos imperdíveis para conhecer na Coreia do Sul. Você vai descobrir o que cada um deles tem de especial e o que não pode faltar no seu roteiro.

Você vai se surpreender com a diversidade e a beleza desse país incrível. E quem sabe, você não se anima a fazer as malas e embarcar nessa viagem dos sonhos? Vamos lá?

Seul

Seul é a capital e a maior cidade da Coreia do Sul, com mais de 10 milhões de habitantes.

É uma metrópole vibrante, que combina o tradicional e o moderno, o antigo e o novo.

Em Seul, você pode visitar palácios históricos, como o Gyeongbokgung e o Changdeokgung, museus, como o Memorial de Guerra da Coreia e o Museu Nacional da Coreia.

Você também pode conhecer os mercados populares, como o Myeong-dong e o Insadong, e ainda apreciar a vista panorâmica da cidade na N Seoul Tower.

Seul também é um centro cultural e de entretenimento, com shows de K-pop, musicais, teatros, cinemas e parques temáticos.

Busan

Busan é a segunda maior cidade da Coreia do Sul e a principal porta de entrada para o sul do país.

É famosa por suas belas praias, como a Haeundae e a Gwangalli, onde você pode curtir o sol, o mar e os esportes aquáticos.

Busan também tem outras atrações naturais, como as montanhas Geumjeongsan e Jangsan, que oferecem trilhas e vistas incríveis, e as formações rochosas de Taejongdae, que criam um cenário impressionante.

Além disso, Busan é uma cidade cosmopolita e cultural, com museus, galerias de arte, templos, festivais e uma gastronomia diversificada.

Jeonju

Jeonju é uma cidade charmosa no sudoeste da Coreia do Sul, que preserva a cultura e a tradição do país.

É considerada a capital da culinária coreana, pois é o berço do bibimbap, um prato típico que mistura arroz branco, vegetais, carne e ovo em uma tigela de pedra quente.

Jeonju também tem um centro histórico chamado Hanok Village.

Lá você poderá ver casas antigas de madeira e telhado curvo, vestir roupas tradicionais chamadas hanbok, assistir a apresentações de música e dança folclóricas, além de visitar museus.

Jeju

Jeju é uma ilha vulcânica no sul da Coreia do Sul, que é um destino popular para lua de mel, férias em família e ecoturismo.

A ilha tem uma natureza exuberante, com cachoeiras, florestas, campos de flores e praias de areia branca.

Um dos principais pontos turísticos é o Seongsan Ilchulbong, um cone vulcânico que se eleva sobre o mar e que tem uma cratera verde no topo.

Outra atração imperdível é o Parque Nacional Hallasan, que abriga o monte Halla, o ponto mais alto da Coreia do Sul.

Jeju também tem uma cultura única, com lendas, mitos e costumes locais.

Gyeongju

Gyeongju foi a capital do antigo reino de Silla, que dominou a maior parte da península coreana entre os séculos VII e X.

Por isso, é conhecida como a “museu sem paredes que abrigam tesouros históricos e culturais.

Já diversos lugares interessantes como o Observatório Astronômico Cheomseongdae, o Parque Nacional Gyeongju e o Lago Bomun.

Suwon

Suwon é uma cidade próxima a Seul, que é famosa por sua fortaleza do século XVIII, chamada Hwaseong.

A fortaleza é um patrimônio mundial da UNESCO, que rodeia o centro histórico da cidade com muralhas de pedra, portões, torres e bastiões.

Você pode caminhar ou andar de bicicleta ao longo das muralhas, que têm cerca de 6 km de extensão, e apreciar a vista da cidade e das montanhas ao redor.

Suwon também tem outros atrativos, como o Palácio Hwaseong Haenggung, a residência temporária do rei Jeongjo, o Museu Folclórico Coreano e o Parque Temático Everland.

Sokcho

Sokcho é uma cidade costeira no nordeste da Coreia do Sul, que é um ótimo destino para quem gosta de natureza e aventura.

A cidade é a porta de entrada para o Parque Nacional Seoraksan, um dos mais belos e populares do país.

É possível admirar montanhas majestosas, vales profundos, cachoeiras cristalinas e uma rica biodiversidade.

No parque, você pode fazer trilhas de diferentes níveis de dificuldade, visitar templos budistas e ver o pico Daecheongbong, o terceiro mais alto da Coreia do Sul.

Sokcho também tem praias agradáveis, como a Yeongnangho e a Cheongchoho, onde você pode relaxar e praticar esportes aquáticos.

Gangneung

Gangneung é outra cidade litorânea no nordeste da Coreia do Sul, que ficou famosa por sediar os Jogos Olímpicos de Inverno de 2018.

A cidade tem uma longa história e uma forte tradição cultural, que se reflete em seus museus, festivais e monumentos.

Um dos lugares mais visitados é o Ojukheon House, um complexo de casas antigas de madeira onde nasceram duas personalidades importantes da cultura coreana.

São elas a pintora Shin Saimdang e seu filho, o erudito Yi I. Gangneung também tem belas praias, como a Gyeongpo e a Anmok.

Há também um parque costeiro chamado Jeongdongjin, que tem um relógio solar gigante e um hotel em forma de navio.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos e familiares❤
Lorrane Oliveira
Lorrane Oliveira

Redatora, ama levar informação para as pessoas de forma simples e descomplicada!

0