Veja agora 7 coisas que você precisa evitar de fazer em seu carro

Confira agora 7 coisas que você deve evitar de fazer em seu carro!

Anúncios

Descubra quais são as coisas que você precisa evitar de fazer em seu carro para mantê-lo funcionando sem nenhum problema!

Adquirir um veículo é o sonho de diversas pessoas.

É o resultado de bastante trabalho e muito esforço e é normal que o novo dono queira realizar algumas “melhorias” no automóvel, seja ele novo ou usado.



Porém, nem tudo o que parece bom aos olhos do dono deve ser realmente feito, existe uma variedade de coisas que você precisa evitar fazer em seu veículo.

Foi pensando exatamente nisso, que nós separamos um conteúdo bem completo para te ajudar!

Se você pensa em cuidar do seu carro de forma adequada e correta, então esse conteúdo foi feito especialmente para você!

Coisas que você deve evitar de fazer de fazer em seu carro

Veja agora o que você precisa evitar de fazer em seu veículo para poder cuidar dele da melhor forma, confira logo a seguir as dicas que separamos!

Ignorar o amaciamento do motor

Ainda existem diversas pessoas que ao adquirir um carro novo acredita que amaciar o motor do veículo é uma coisa desnecessária

Porém diversas montadoras, trazem no manual do proprietário algumas orientações para ter o melhor funcionamento do motor e uma dessas orientações é não abusar da velocidade nos primeiros quilômetros de uso do veículo. 

Dessa forma, o motor não é exigido em excesso, até que suas peças se ajustem, permitindo assim, um nível certo de funcionamento, o que vai promover aumento da performance e diminuir bastante o consumo de combustível. 

Em tese, ter cuidados específicos de velocidade máxima, trocas de marchas e nível de RPM tendem a durar até que o carro zero atinja seus primeiros 3.000 km. 

Limpar peças plásticas sem o produto adequado

Temos aqui um erro bastante comum que faz parte das coisas que você precisa evitar de fazer em seu veículo.

Como muita gente já sabe, diversos modelos de carros possuem várias partes de plástico, como por exemplo: alavancas de setas e farol, painel, câmbio, cobertura do freio de mão, puxadores de porta, entre outros. 

Nada mais normal do que limpá-las, para deixar o veículo bonito e limpo, não é mesmo? 

Porém, para essa situação de limpeza, você precisa optar por produtos adequados, como por exemplo: álcool isopropílico, detergente neutro ou sabão neutro, entre outros. 

Ao utilizar produtos inadequados pode acabar manchando, ressecando e favorecendo trincas e quebras nessas peças. 

Instalar engate em modelo não autorizado

Embora diversas pessoas não saibam, existem modelos de carros que não podem receber engate para reboque. 

Apesar dessa prática ser mais amena atualmente, houve um tempo em que muita gente tinha um engate instalado em seu automóvel. 

Alguns modelos de carros mais modernos, como o Onix Plus e o Chevrolet Tracker são grandes exemplos de veículos que não podem ter o engate instalado. 

Nesse momento você deve estar se perguntando: Como vou saber se meu automóvel pode ou não receber engate? A resposta é muito simples, basta você ler o manual do proprietário do seu carro. 

Lá você encontrará mais do que claro se o carro pode ou não pode receber a instalação desse tipo de dispositivo. 

Sendo assim, se seu novo automóvel não estiver apto a receber um engate traseiro, não realize esse tipo de instalação. 

Subir no para-brisas

Pode ser por pura brincadeira ou até mesmo pensando em limpar o teto para manter o carro limpo. 

Independentemente de qual for a sua intenção, essa é mais uma coisa que você precisa evitar de fazer em seu carro. 

Todo automóvel é cuidadosamente projetado, e mesmo que à primeira vista possa parecer ser um local bem forte e resistente, a região do para-brisas é um local bem mais frágil e sensível do que parece realmente ser, sendo assim, em hipótese alguma, suba no para-brisas do seu carro. 

Acionar todos os vidros elétricos ao mesmo tempo

Acionar todos os vidros elétricos do carro ao mesmo tempo é um erro bastante comum pela maioria dos donos de automóveis, mas que precisa ser evitado. 

Essa prática, pode acabar causando danos ao sistema elétrico, além de acabar diminuindo a vida útil dos fusíveis. 

Além do mais, uma outra orientação desse tipo, é que você nunca deve acionar um dos vidros elétricos pelo interruptor do motorista enquanto um passageiro estiver fechando ou abrindo o mesmo vidro no sentido contrário. 

Pois essa prática, que diversas vezes pode ocorrer durante uma mera brincadeira, pode sobrecarregar o sistema responsável por descer e subir o vidro e assim pode acabar travando, fazendo com que o vidro fique travado, sem poder abri-lo ou fechá-lo.

Aplicar graxa nos parafusos da roda

Diversas pessoas pensam que passar graxa ou qualquer outro tipo de lubrificante para remover parafusos da roda do carro pode ser uma excelente ideia, mas não é. 

Os manuais do proprietário e vários mecânicos alertam que lubrificantes e graxas precisam ser removidos totalmente dos parafusos ou das porcas antes de serem apertados.

Pois podem acabar causando danos, além do risco da roda se soltar com o veículo em movimento. 

Além do mais, a aplicação de lubrificantes e graxa podem fazer com que as porcas da roda sejam apertadas de forma excessiva, o que pode acabar causando danos aos parafusos ou ao próprio disco da roda do veículo. 

Essa “lubrificação” pode acabar resultando em acidentes com ferimentos graves e fatais. Sendo assim, é mais uma das coisas que você precisa evitar de fazer em seu veículo. 

Permitir uma pane seca no carro

Por meio de simples pesquisas é possível encontrar várias reportagens de especialistas que não recomendam que se rode com o tanque na reserva para evitar a tão temida e famosa pane seca. 

De acordo com alguns especialistas, essa prática pode acabar fazendo com que resíduos acumulados no fundo do tanque se movam, chegando então até os bicos injetores, com isso pode acabar causando diversas falhas de funcionamento no motor, logo após o tanque do veículo ser reabastecido. 

Além do mais, também existe a questão da segurança, pois afinal, ficar com o veículo parado em qualquer lugar que seja, pode aumentar muito o risco de assalto. 

Um outro ponto bastante importante nessa questão, é que a pane seca é uma infração de trânsito passível de multa. 

Sendo assim, permitir uma pane seca em seu carro é sem sombra de dúvidas algo que vai pesar muito no seu bolso. 

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos e familiares❤
Lorrane Oliveira
Lorrane Oliveira

Redatora, ama levar informação para as pessoas de forma simples e descomplicada!

0